{lang: 'pt-BR'}

Homem que pirateou filme ‘Wolverine’ será preso por um ano

Um homem de Nova York foi sentenciado ontem, 20/12, a um ano em uma prisão federal nos Estados Unidos, segundo o site Deadline. Ele admitiu ter pirateado o filme “X-Men Origens: Wolverine”.

De acordo com o Deadline, Gilberto Sanchez, de 49 anos, terá ainda que passar por um ano de supervisão e enfrentará diversas restrições para usar computadores.

“A sentença da prisão federal nesse caso passa uma mensagem forte para os piratas da internet. O Departamento de Justiça irá encontrar e acusar as pessoas que querem roubar propriedade intelectual nesse país”, disse o promotor André Birotte Jr, segundo o Deadline.

Segundo a Justiça, Sanchez disponibilizou na internet uma versão do filme mais de um mês antes de seu lançamento nos cinemas. Ele já havia recebido uma condenação por outra acusação parecida e, conforme afirmam os promotores, tem compartilhado regularmente filmes piratas há quatro ou cinco anos.

O acusado se declarou culpado em março pela acusação de compartilhar trabalho protegido por direitos autorais. Ele confessou ter distribuído uma versão de “X-Men Origens: Wolverine” pelo site de downloads Megaupload em março de 2009.

Cadeia nele, pô! HAHA! :D

Também, admitindo o crime ele não poderia esperar outra decisão da Justiça, não é mesmo? Só se a Justiça dos Estados Unidos fosse cega como a do Brasil mas, como não é, ocorreu o previsto em lei.

Abraços!



Samuel Paiva Mucin - CEO

Article Global Facebook Twitter Myspace Friendfeed Technorati del.icio.us Digg Google StumbleUpon Eli Pets

Comente via Facebook

Nerds comentaram